MUNDO JOVEM 23/12/2020

O Mundo Jovem dessa segunda-feira, 21/12 teve como tema o `` Natal’’, o programa contou a linda participação da cantora Josilany Moura cantando grandes sucessos da música brasileira e do cantor Fernando Araújo acompanhando-a no violão, além de vários pedidos de músicas que nossos ouvintes solicitaram. Foram tocados sucessos da banda Raça Negra, Roberta Miranda e Marília Mendonça. O público ficou encantado com a linda performance de Josilany e os pedidos de músicas foram até o final do programa.

 

 

Campanha “Criança Feliz”


Juntamente com a Modelo Dayse Martins, o blogueiro e influencer Bruno Samuel, a estudante de administração Aldayara Gomes, e a coordenadora do Grupo Vale de Comunicação Bhabara Villana, inicialmente o projeto foi criando pela Modelo Dayse Martins que contatou o grupo de jovens “Juventude On” devido já ter realizado um trabalho social na cidade de Elesbão Veloso.
Logo foi dado início a campanha que tem o intuído de arrecadar brinquedos novos e usados em bom estado, e qualquer quantia em dinheiro para ser feitos os saquinhos de guloseimas das crianças. 
Para doar você pode entrar em contato com os números:
 

Aldayara Gomes 86 95101122
 Bruno Samuel 86 994670122
 Daise Martins 86 998081033 
Bharbara Vilana 86 994670122

 

 

“ Quer fazer o Natal de alguma criança mais feliz? Você pode fazer toda a diferença! Doe dinheiro ou brinquedos em bom estado de conservação para o nosso Natal Presente. As doações serão recebidas até 24 de dezembro na APAE.
Nós do Mundo Jovem ficamos muitos felizes em participar e em ajudar na divulgação dessa linda campanha de natal. Fica aqui a nossa grande admiração pelos os envolvidos no projeto. 

Felicitações do Mundo Jovem

 
Que neste Natal e em todos os dias do próximo ano você tenha muita luz, amor, carinho, paciência e esperança. Que tudo na sua vida dê certo e, o que não der, não se preocupe: tem coisa melhor por vir. Que você tenha sempre Jesus em seu coração, pois ele é o maior motivo do Natal, de nossa existência e de muito mais. Feliz Natal !!! 

MUNDO JOVEM 09/12/2020

O Jovem no Mercado de Trabalho

 

No programa Mundo Jovem desta segunda feira 07/12 foi abordado o tema “O Jovem no Mercado de Trabalho” com a participação de João Neto Gomes, ele é engenheiro civil e atua à dois anos no mercado de trabalho. Uma das principais pautas foi a falta de experiência e maturidade que é considerado o principal fator para as empresas não contratarem os jovens. É observado que por não se ter experiência, o que levaria a ter que ensinar como se faz a função e explicar mais detalhadamente, muitos empresários recusam esse pedido por um emprego. Levando em conta também a falta de maturidade, onde há o medo dos jovens não terem compromisso ou responsabilidade para exercer a sua função com eficácia.

 

 

Uma das perguntas feitas ao entrevistado foi: Qual foi sua maior dificuldade para ingressar no mercado de trabalho? Em resposta, João Neto afirmou que procurou uma vaga de emprego em algumas empresas, mas com recusas justamente por ter, na época, acabado de concluir o curso de engenharia civil, ou seja, não tinha experiência na profissão. Ele trabalhou um ano como autônomo e abriu sua empresa a “JG Engenharia” que completa um ano de funcionamento.

Outra barreira comum que causa a dificuldade do ingresso do jovem no mercado de trabalho é a escolaridade que afeta muito na hora da contratação feita pelas empresas. Entre um candidato que possui apenas o ensino médio completo e outro que possui uma graduação, o contratante possivelmente escolherá aquele com maior conhecimento. A escolaridade é algo importante para se decidir quem irá ser contratado, devendo ser visto pela sociedade como algo essencial para ingressar no mercado de trabalho.

Em resposta a pergunta: Qual a mensagem que você gostaria de deixar para os jovens que estão ingressando no mercado de trabalho? O engenheiro civil disse " É preciso ter foco no seu objetivo, não se desviando daquilo que você quer e sempre mantendo a persistência"

 

ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis)

 

 

O segundo participante da noite de segunda feira (07/12) foi Herbert Moura, ele é Enfermeiro e especialista em Enfermagem Obstétrica. Muitas Dúvidas foram tiradas e conceitos esclarecidos! Um dos questionamentos feito por um ouvinte foi “Como os pais devem conversar com seus filhos sobre AIDS, HIV, e assuntos relacionados à relações sexuais?” O enfermeiro afirmou que é importante que haja uma boa relação entre pais e filhos, onde os pais transmitam confiança necessária para que os filhos se sintam a vontade para tirarem suas dúvidas e consigam conversar sobre qualquer assunto. 

 

HIV ou AIDS ? Qual é a diferença?

HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana) é o vírus causador da AIDS, que ataca células específicas do sistema imunológico (os linfócitos T-CD4+), responsáveis por defender o organismo contra doenças. Ao contrário de outros vírus, como o da gripe, o corpo humano não consegue se livrar do HIV. Ter HIV não significa que a pessoa desenvolverá aids; porém, uma vez infectada, a pessoa viverá com o HIV durante toda sua vida. Não existe vacina ou cura para infecção pelo HIV, mas há tratamento.

AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) é a doença causada pelo HIV, que ataca células específicas do sistema imunológico, responsáveis por defender o organismo de doenças. Em um estágio avançado da infecção pelo HIV, a pessoa pode apresentar diversos sinais e sintomas, além de infecções oportunistas (pneumonias atípicas, infecções fúngicas e parasitárias) e alguns tipos de câncer. Sem o tratamento antirretroviral, o HIV usa essas células do sistema imunológico para replicar outros vírus e as destroem, tornando o organismo incapaz de lutar contra outras infecções e doenças.

 

Como ocorre a transmissão do HIV?

A transmissão do HIV se dá por meio de relações sexuais desprotegidas, pelo compartilhamento de seringas, materiais perfurocortantes contaminados e não esterilizados e por meio da transmissão vertical durante a gravidez, parto e/ou amamentação, quando não tomadas as devidas medidas de prevenção.

Aproximadamente 866 mil pessoas vivem com HIV no Brasil e, a cada ano, são registrados cerca de 40 mil novos casos de HIV, principalmente entre os jovens. Muitas pessoas ainda desconhecem o seu status sorológico; por isso, é necessário que todos os indivíduos com vida sexual ativa façam a testagem regular para o HIV. Além disso, é importante conhecer as formas de transmissão e prevenção ao HIV.

 

Prevenção

Para evitar a transmissão da aids, recomenda-se o uso de preservativo durante as relações sexuais, a utilização de seringas e agulhas descartáveis e o uso de luvas para manipular feridas e líquidos corporais, bem como testar previamente sangue e hemoderivados para transfusão. Além disso, as mães infectadas pelo vírus (HIV-positivas) devem usar antirretrovirais durante a gestação para prevenir a transmissão vertical e evitar amamentar seus filhos.

 

MUNDO JOVEM 06/12/2020

Após a liberação para a abertura dos bares na cidade de Elesbão Veloso, o movimento nos finais de semana voltaram. Os points mais badalados são os bares da nossa cidade. Opção de bares a galera até tem, mas não é surpresa para ninguém que Elesbão Veloso não possuí um entretenimento diversificado para a população, o que leva os jovens elesbonenses, muitas vezes, a procurarem em outras cidades entretenimento como festas, bares com músicas ao vivo, balneários entre outros.

 

                                                                    Elesbonenses curtindo o FDS na boate Moon em Teresina - Pi

 

Lazer, cultura são direitos que a população tem, mas infelizmente não há políticas públicas na nossa cidade direcionadas à esse âmbito. Há a falta de lazer para os diferentes grupos como, idosos, crianças, jovens entre outros. Por que não realizar aos finais de semana um encontro de idosos com uma atividade musical como o forró? o famoso "Forró dos velhos" como é conhecido, claro, em um momento posterior à pandemia. Elesbão Veloso possuí prédios públicos abandonados, o que possibilita a construção de parques, um lugar para a família se divertir, também como um entretenimento para as crianças.

 

E os jovens? Na cidade deveria haver um espaço adequado, por exemplo, para a galera que gosta de curtir um som, os famosos "encontros de paredões " visto que há jovens no nosso município que são donos de sons automotivos e um grande público que aprecia tal movimento. Por mais que as ideias sejam simples, não são realizadas por órgãos competentes. Enquanto medidas como essas por exemplo, não forem tomadas, muitos irão buscar atrativos em outras cidades, e aqueles cujo quais não podem ir, infelizmente ficam sem opções.

 

                                                            Elesbonenses aproveitando o final de semana em praça no centro da cidade

 

 

O Mundo Jovem na Vale traz nessa segunda feira 07/11, os seguintes temas : O jovem no mercado de trabalho e a Conscientização sobre a AIDS.

Nesse mês de dezembro o programa Mundo Jovem na Vale completa dois meses de lançamento, sempre levando conteúdos relevantes e muita informação, com excelentes convidados e muita interação. A audiência é sempre garantida e a equipe do programa agradece muito a participação e o carinho de todos vocês!!! E não esqueçam galera, segunda- feira a partir das 19 h você tem um encontro marcado com Mariana Borges e Alcione Alves no programa Mundo Jovem. Contamos com sua participação, fiquem ligadinhos porque o programa desta segunda-feira está incrível.

 

                                                                                   Apresentadoras: Mariana Borges e Alcione Alves

 

MUNDO JOVEM 02/12/2020

O Mundo Jovem dessa segunda-feira 30/11, foi marcado pela presença da estudante de vestuário Maria Luiza e do produtor de eventos Fran Oliveira por telefone, ambos falaram das suas experiências, e todas as barreiras quebradas para mostrar que amar não é errado.

 

O dia 8 de junho, é marcado pelo 51º aniversário da revolta de Stonewall, quando transexuais, lésbicas e gays deram um basta à perseguição das forças repressivas e se enfrentaram na rua com a polícia de Nova York, dando o marco fundacional para o movimento de libertação sexual.

 

A revolta de Stonewall foi a inspiração que, por sua vez, inspirou vários acontecimentos em uma época em que estavam claras as críticas à sociedade em que a desigualdade é norma, retratados nas barricadas do maio francês, no Black Power exigindo a igualdade para as e os negros, bem como o movimento internacional contra a guerra imperialista dos EUA no Vietnã. Naquela época, a lei dos EUA proibia o uso de duas ou mais roupas do sexo oposto, essa era a justificativa legal com a qual queriam prender todas as pessoas trans. Mas essa ocasião foi diferente, vindo de vários dias de incursões, a raiva diante de tanta perseguição se transformou em resistência por serem detidos e a resistência passou a ser uma resposta determinante contra a polícia. Ninguém podia acreditar que as e os LGBTs fossem capazes de pôr em pé barricadas em plena Nova York, de instigar medo na polícia, trancando um grupo dentro do bar e continuando os enfrentamentos por várias noites.

 

O Mundo Jovem dessa segunda-feira 30/11, foi marcado pela presença da estudante de vestuário Maria Luiza e do produtor de eventos Fran Oliveira por telefone, ambos falaram das suas experiências, e todas as barreiras quebradas para mostrar que amar não é errado.

 

O dia 8 de junho, é marcado pelo 51º aniversário da revolta de Stonewall, quando transexuais, lésbicas e gays deram um basta à perseguição das forças repressivas e se enfrentaram na rua com a polícia de Nova York, dando o marco fundacional para o movimento de libertação sexual.

 

A revolta de Stonewall foi a inspiração que, por sua vez, inspirou vários acontecimentos em uma época em que estavam claras as críticas à sociedade em que a desigualdade é norma, retratados nas barricadas do maio francês, no Black Power exigindo a igualdade para as e os negros, bem como o movimento internacional contra a guerra imperialista dos EUA no Vietnã. Naquela época, a lei dos EUA proibia o uso de duas ou mais roupas do sexo oposto, essa era a justificativa legal com a qual queriam prender todas as pessoas trans. Mas essa ocasião foi diferente, vindo de vários dias de incursões, a raiva diante de tanta perseguição se transformou em resistência por serem detidos e a resistência passou a ser uma resposta determinante contra a polícia. Ninguém podia acreditar que as e os LGBTs fossem capazes de pôr em pé barricadas em plena Nova York, de instigar medo na polícia, trancando um grupo dentro do bar e continuando os enfrentamentos por várias noites.

 

 

Qual a importância do Dia do Orgulho Gay?


O Dia Internacional do Orgulho Gay é hoje comemorado não só pelo público gay, como também por todas as pessoas que apoiam a diversidade e respeitam o amor.
Uma mobilização importante para conscientizar a população mundial sobre a importância da inclusão, da igualdade e do combate à LGBTfobia.

 

É muito mais do que um dia para celebrar o amor na Parada Gay, como o evento é conhecido, mas uma data para sentir orgulho por poder ser quem é sem medo ou constrangimento.

 

E um momento para lembrar que somos todos iguais, que também devemos ter direitos iguais, acesso e respeito iguais.

 

 

Presidente e o “Movimento LGBT”

 

Quando Jair Bolsonaro se tornou presidente, em outubro de 2018, parte da população LBGT+ temia por sua vida e pela retirada de direitos básicos para viver. O então deputado federal na época já se classificava como “homofóbico, com muito orgulho”. O mesmo diz ser incapaz de amor um filho LGBT+ e que preferia que o filho morresse em um acidente do que “aparecesse com um bigodudo por aí”. 

 


Jair Bolsonaro foi réu de um processo esse ano Sem dar detalhes sobre a ação, Bolsonaro disse apenas que o caso será divulgado e que, atualmente tem recursos no Supremo Tribunal Federal e Superior Tribunal de Justiça.

 

“Não entro na justiça contra ninguém porque não ganhou nenhuma. Estou respondendo a um processo que vocês não sabem ainda. Vão divulgar. Está no Supremo e STJ, dois recursos. Levando-se em conta os juros, são R$500 mil. Eu declarei que não participaria de uma parada do orgulho gay porque acreditava em Deus, na família e na questão dos costumes”, disse Bolsonaro.

 

 

Mundo Jovem e o “Movimento LBGT+”


O plano de Deus é que haja amor entre pessoas e, se houver amor entre iguais, o que há de errado? Antes do plano da família, antes do plano da humanidade, antes mesmo do plano da criação veio o plano do amor. Um dos ensinamentos de Deus diz para amarmos o próximo como Deus nos ama. Qualquer forma de amar é válida.

 
Nós do Mundo Jovem  somos apoiadores da luta contra a discriminação de gênero.
Enquanto gastamos tempo julgando o que é ou não errado, perdemos um tempo precioso de transmitir a graça e o amor de Deus ao próximo. Que possamos nos preocupar com o que realmente importa para Deus.

 

Mundo Jovem